.

.

.

el sabroso oficio / del dulce mirar GóngoraWie schwer es ist, die Schönheit zu begreifen! Günter Eich

domingo, 10 de febrero de 2013

Confetti por el aire y 'Tereza tristeza'

Foliã joga confetes em festa de carnaval de 1961 – Foto: Arquivo/AE


(Vista en Estadão.com.br/blogs)


Acompañamos esta fotografía con otra canción compuesta por Chico Buarque, pero interpretada por el grupo MPB4:

TEREZA TRISTEZA

Oh Tereza essa tristeza
Não tem solução
Tire o meu lugar da mesa
Não me espere não
Não vou, não
Ao menos sou sincero
Que te adoro
Que te quero
Mas não passo bem sem carnaval
Não

Oh Tereza essa tristeza
Não tem solução
Ser mulher é muito mais
Do que pregar botão
Não vê não
Que o homem quando é homem
Passa frio passa fome
Mas não bem sem desse carnaval

Diz que não tem café
Diz que não tem feijão
Nem sandália pro pé
Nem aliança pro dedo da mão
Oh Tereza
É tão pouca tristeza
Tem gente que nem carnaval
Não tem não

(1965)