.

.

.

el sabroso oficio / del dulce mirar GóngoraWie schwer es ist, die Schönheit zu begreifen! Günter Eich

miércoles, 1 de junio de 2016

"Versos de Cesariny para uma moça angolana"



Rui Romão, el fotógrafo autor de esta fotografía realizada en 2008 en Angola, la acompañó de los siguientes versos de uno de los grandes de la literatura portuguesa, Mário Cesariny. Aquí dejamos a los dos, en versión original.


EM TODAS AS RUAS TE ENCONTRO

Em todas as ruas te encontro
em todas as ruas te perco
conheço tão bem o teu corpo
sonhei tanto a tua figura
que é de olhos fechados que eu ando
a limitar a tua altura
e bebo a água e sorvo o ar
que te atravessou a cintura
tanto tão perto tão real
que o meu corpo se transfigura
e toca o seu próprio elemento
num corpo que já não é seu
num rio que desapareceu
onde um braço teu me procura

Em todas as ruas te encontro
em todas as ruas te perco

Mário Cesariny