.

.

.

el sabroso oficio / del dulce mirar Góngora – ¡Qué difícil es entender la belleza! Günter Eich

viernes, 25 de enero de 2019

Vanessa da Mata canta a Jobim


Recordaba Carlos Galilea en su programa de hoy de Los elefantes sueñan con la música que Antônio Carlos Jobim nació el 25 de enero de 1927. Otro programa para el maestro soberano.

La letra de Dindi es de Aloysio de Oliveira.


DINDI

Céu, tão grande é o céu
E bandos de nuvens que passam ligeiras
Prá onde elas vão, ah, eu não sei, não sei
E o vento que toca nas folhas
Contando as histórias que são de ninguém
Mas que são minhas e de você também
Ai, Dindi
Se soubesses o bem que eu te quero
O mundo seria, Dindi, tudo, Dindi, lindo, Dindi
Ai, Dindi
Se um dia você for embora me leva contigo, Dindí
Olha, Dindi, fica, Dindi
E as águas desse rio
Onde vão, eu não sei
A minha vida inteira, esperei, esperei por vo...cê, Dindi
Que é a coisa mais linda que existe
Você não existe, Dindi.


Aquí, versión de Maria Bethânia, e mais.




Álbum: Vanessa da Mata canta Tom Jobim (2013)



(Fotografía de Paula Marina Castro)




No hay comentarios: